Criando Uma Boa Linha Editorial Para Atrair Mais Visitantes Para Seu Blog

Afinal, o que é uma Linha Editorial?

Primeiramente é preciso entender o que é uma linha editorial para que você entenda exatamente sobre o que estou falando.

Basicamente a linha editorial tem por objetivo estabelecer diretrizes na hora de produzir seus conteúdos.

Todos nós já sabemos que produzir conteúdos é a forma mais inteligente e eficaz para atrair mais visitantes para seu Blog.

Tenho certeza que você acompanha algum Canal do Youtube, Podcast ou até mesmo um Blog que compartilhe algum conteúdo de seu interesse.

È exatamente nesse ponto que quero chegar. O que você precisa fazer para que seu Blog ou qualquer outra plataforma de seu uso tenha conteúdos que interessem o seu público-alvo?

Se você almeja atrair mais visitantes que futuramente podem se tornar seus clientes é preciso definir uma linha editorial.

Na hora de produzir um conteúdo

Bom, se eu já sei que linha editorial é estabelecer diretrizes na hora de produzir um conteúdo, como devo então escolher esses conteúdos para meu Blog, canal do Youtube?

De onde surge os seus conteúdos? De pesquisas? Dicas do seu próprio público? Tira ideias da cabeça?

Todas essas alternativas tem suas vantagens, porem todas precisam seguir uma estratégia. E é exatamente para isso que serve uma linha editorial: pra te ajudar a

escolher os conteúdos que serão produzidos.

Como montar uma linha editorial?

engajamento-redes_WEB

Um conceito importantíssimo para montar uma linha editorial no ramo de negócios é:

Entregar ao público conteúdos que são úteis para ele, que resolvam algum problema ou que mostre como realizar um desejo.

Este é o objetivo da linha editorial, separar, por grupos, os assuntos relacionados ao seu negócio, fazendo com que seu conteúdo possa ser dividido em vários segmentos.

Imagine só… Qual público vai consumir os conteúdos de um Blog de Pet Shop?

– Quem tem animais de estimação;

– Quem quer tosar seus bichinhos;

– Quem quer comprar rações, remédios para seus animais de estimação.

Eu te dei apenas um exemplo óbvio, comum para determinar os objetivos do público de um Pet Shop. Mas tenho certeza que esses exemplos podem te ajudar e muito, na hora selecionar e definir as categorias dos assuntos da sua linha editorial.

Depois é saber como o Pet Shop pode ajudar seu público através de conteúdos online.

Por exemplo:

– Dicas de como cuidar do seu animal de estimação;

– Dicas de melhor tosa para cada raça de seu animal.

Prontinho. Agora é unir as duas informações. Se você já sabe o objetivo do seu público e sabe também que tipo de conteúdo oferecer pra eles, o próximo passo é

classificar esses conteúdos em categorias, facilitando um cronograma de produção de conteúdo.

Por exemplo:

Categoria: Animais de Estimação

Conteúdos: Qual a melhor ração para seu animal? Quando devo vaciná-lo?

Categoria: Brinquedos e Acessórios

Conteúdos: Existe um brinquedo ideal para cada idade do seu animal?

Entendeu como funciona? È bem simples! Daí em diante você pode fazer um cronograma de posts definindo quantos conteúdos de cada categoria serão postados

por semana por exemplo.

Valorizando as Categorias

CmRrotLWgAEyS0h

Vou mencionar aqui 3 motivos pelos quais você deve trabalhar com categorias nas suas plataformas online:

1– As categorias te obrigam a ser organizado, planejando seus conteúdos, tornando o estabelecimento de cronograma de publicação mais fácil e eficiente.

2– As categorias facilitam a vida de seu público, pois se a pessoa quer dicas sobre animais de estimação basta clicar na categoria e todos os conteúdos relacionados

serão exibidos.

3– Uma vez que as categorias estão corretamente vinculadas aos seus motores de busca, como o Google, entendem que você possui informações relevantes sobre o

determinado assunto, fazendo com que você seja encontrado mais facilmente pelos usuários na busca orgânica.

Mas é bom lembrar que para o terceiro passo funcionar o seu site deve estar ajustado com os requisitos de otimização.

Definindo as Pautas da Linha Editorial

w880

Linha Editorial é composta por categorias e categorias são compostas de pautas.

Lembra que lá no inicio desse artigo eu comentei que você poderia fazer pesquisas, usar as dicas e sugestões de seu próprio público ou até mesmo tirar ideias de seu próprio conhecimento? Então… È assim que se criam pautas relevantes para o seu público-alvo.

No início do texto eu disse que você poderia fazer pesquisas, tirar ideias da própria cabeça de acordo com o seu conhecimento do público-alvo ou aceitar as sugestões do seu público.

Veja abaixo algumas dicas:

Fazer pesquisas

Pesquisar é uma das melhores opções, pois você pode buscar conhecimentos de diversos tipos e temas.

– Enquetes e Formulários (Enviados para a sua lista de emails)

– Conteúdo da concorrência (Você pode encontrar conteúdos que deram muito certo para os seus concorrentes, e que também podem dar certo para você)

– Usar ferramentas de busca e análise de métricas para encontrar e definir quais conteúdos são mais procurados pela audiência (Ferramenta de Palavra-Chave,

Google Trends, Google Suggest…)

Ideias Próprias e Dicas de Seu Público

Essa é uma dica simples, mas que exige um grau de importância. Nunca deixe de ANOTAR suas pesquisas. Afinal com a correria do dia a dia pode ser que você se

esqueça da ideia incrível que você teve enquanto estava na academia.

È claro que não dá tempo de anotar todos os comentários que deixam no seu Blog, mas procure anotar num bloco de notas, num papel de propagando que você recebeu no trânsito, o importante é registrar essa ideia para que não corra o risco de futuramente você não se lembrar.

Recapitulando

– Estabeleça diretrizes na hora de produzir conteúdos;

– Empresas inteligentes utilizam o conteúdo para criar relacionamento com o público- alvo;

– Você pode ter conteúdos que façam isso, e a melhor maneira de começar é estabelecendo a sua linha editorial;

– Uma linha editorial agrupa os conteúdos por categorias, aumentando o controle que você tem sobre o cronograma de publicação, facilitando a busca do conteúdo pela audiência e melhorando o posicionamento do seu conteúdo em buscadores como o Google;

– E por fim você pode fazer pesquisas, seguir ideias próprias ou sugestões do público para produzir conteúdos de qualidade.

E ai, vai correr atrás de mais visitantes para seu Blog ou vai permanecer parado??

Kadu Oliveira
author

Olá, eu sou o Kadu Oliveira, sou consultor de marketing digital , um expert em vendas e ajudo meus clientes a vender todos os dias pela internet.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *